Blog

Blog rhQuatro Gestão Estratégica

Acompanhe aqui as nossas noticias e novidades, estamos certos que entrará o que procura.

Conheça os impactos da Reforma Trabalhista no e-Social

Inserir subtítulo aqui

Como você sabe, o Governo acaba de aprovar a Reforma Trabalhista e algumas medidas terão impacto direto no eSocial. 

Como especialista neste assunto, tenho acompanhado as dificuldades de inúmeras empresas em entender e se adequar ao novo processo.Por isso, preparei um e-book detalhando a abrangência dessas mudanças e uma lista com as principais preocupações dos especialistas em eSocial. Você terá a oportunidade de conhecer os novos prazos, entender o que foi ajustado na Reforma Trabalhista e esclarecer outras dúvidas. Por essas razões, recomendo que você baixe este material agora mesmo!

Novo Layout do eSocial

Inserir subtítulo aqui

O Comitê Gestor do eSocial acaba de publicar uma nova versão do leiaute do eSocial que traz melhorias e correções, a maioria delas, decorrentes de sugestões dadas pelas empresas participantes da primeira fase do cronograma de testes.

Foi publicada no DOU de 07/07/2017 a Resolução nº 10 do Comitê Gestor do eSocial, aprovando a versão 2.3 do leiaute do eSocial, já disponível no item "Documentação Técnica" do Portal do e-Social.

O Comitê Gestor do eSocial esclareceu que os testes continuarão sendo realizados na versão 2.2.02, até que seja implementada a nova versão do leiaute no ambiente de testes (produção restrita).
O eSocial precisa ser implementado até julho de 2018. Faça seu cadastro no ambiente de testes e não perca o prazo!

Um conjunto de práticas de gestão implementadas que ajudam a garantir que os colaboradores recebam a orientação, feedback e desenvolvimento que necessitam para terem sucesso em seus cargos

Dar feedback, não importa o quão bem-intencionados e o quanto necessário seja, é difícil para a maioria das pessoas. Talvez isso ocorra em parte porque receber feedback raramente é uma experiência agradável. Muitos de nós hesitamos porque nos colocando no lugar de quem recebe, preferindo não infligirmos a dor que entendemos a pessoa que recebe o ...

Uma das armadilhas mais comuns como gestores é usarmos nós mesmos como o parâmetro para medir o desempenho de nossos colaboradores. E somos normalmente inconsciente do fato de que estamos fazendo isso. Observamos como executam suas atividades e em como eles lidam com as situações, e imaginamos o que teríamos feito diferente. Então, na maioria das...

Admito que quando era mais jovem, novo para o mercado de trabalho e não tão maduro como hoje, tinha a percepção equivocada que uma carreira ou plano de desenvolvimento profissional era algo que eu não precisava me preocupar.